Das pessoas morreram e outras nove contraíram ferimentos, entre graves e ligeiros, em consequência de um aparatoso acidente de viação envolvendo um autocarro e um camião basculante, ocorrido hoje no Inchope, província de Manica.

Trata-se do autocarro da companhia Khurula que saia de Tete e tinha como destino a Cidade de Maputo e, chegada à ponte sobre o rio Metuchira, tentou encetar uma manobra que consiste na ultrapassagem a um camião que transportava combustível, tendo colidido com um outro camião basculante que vinha no sentido contrário.

Segundo sobreviventes do acidente do qual os condutores das duas viaturas morreram no local, provocando ferimento grave numa passageira do autocarro e outros oito ocupantes, o sinistro teria sido perpetrado por excesso de velocidade, aliada à manobra perigosa na ponte sobre o rio Metuchira.

“Saímos de Tete, estava a andar muito bem. Mal chegámos a Chimoio, ele começou a aumentar velocidade e, quando chegámos aqui, só ouvi os gritos, porque senti o embate e, depois, vi outros passageiros a descerem pelas janelas”, disse, visivelmente traumatizada, uma das sobreviventes que se identificou pelo nome de Onila.

Além de mortos e feridos, o acidente, que provocou um enorme congestionamento nas duas faixas de rodagem ao longo da Estrada Nacional Número Seis, chegando a perfazer mais de 10 quilómetros nos dois sentidos, causou danos avultados nas duas viaturas, segundo Adelina Chinaca, chefe da brigada da Polícia de Trânsito em Gondola.

“A causa do acidente foi a ultrapassagem por parte do autocarro. Só que, à sua frente e na faixa contrária, vinha o camião e embateram-se mesmo na ponte. Tivemos aqui registo de dois mortos, por sinal ocupantes dos dois carros envolvidos no sinistro e um ferido grave, além de nove feridos ligeiros”, disse Adelina Chinaca, referindo que “os feridos, tanto os ligeiros, como os graves, tiveram de ser encaminhados para o Centro de Saúde de Inchope”.

Entretanto, por causa de acidentes recorrentes no país e que quase diariamente semeiam luto nas famílias, Chinaca aproveitou a reportagem do “O País” para “apelar a todos os condutores para que, quando se fazem às estradas, pautem pela condução defensiva e sigam, rigorosamente, as normas elementares de condução”, apontando essa como principal arma de combate à sinistralidade rodoviária.

A INTRODUÇÃO do atendimento electrónico nos serviços de Registo Civil e Notariado está a contribuir para a redução de aglomerados nas instalações da instituição na cidade da Beira.

Segundo o director provincial de Justiça e Trabalho em Sofala, Mário Xavier, que deu a conhecer o facto, a medida enquadra-se na necessidade de assegurar o distanciamento físico face à pandemia do novo coronavírus.

Xavier explicou que os utentes são orientados a seguirem a pré-marcação via “online”, registo de contactos e depósito dos respectivos documentos a serem averbados ou emitidos. Num período de três ou quatro dias os interessados podem levantar os seus documentos já regularizados.

“Como impacto deste trabalho por via digital, deixamos de ter enchentes nas Conservatórias”, disse.

O director provincial revelou que a nova modalidade de atendimento está a ser usada em todas as Conservatórias da cidade da Beira, concretamente na Manga e na zona baixa.

A medida abrange igualmente vários distritos da província de Sofala, como Nhamatanda, Gorongosa, Chemba e Chibabava.

DOIS agentes da Polícia da República de Moçambique (PRM) encontram-se foragidos depois de se ter constatado o seu envolvimento no roubo de cerca de 5,7 milhões de meticais pertencentes a um empresário chinês.

Os indiciados fazem parte de um grupo composto por seis elementos, incluindo um agente do Serviço Nacional de Investigação Criminal (SERNIC), que está detido numa sub-unidade policial em Maputo.

O porta-voz do SERNIC na província de Maputo, Elino Panguana, disse ontem (09), em conferência de imprensa, que além do agente doServiço de Investigação Criminal, estão também detidos outras três pessoas, nomeadamente uma contabilista e dois motoristas, funcionárias da vítima.

Panguana explicou que as detenções ocorreram após investigações terem conduzido ao esquema montado pelos indiciados.

“O SERNIC deteve quatro indivíduos indiciados no roubo de 5,7 milhões de meticais”, disse Panguana. “A contabilista e um motorista confessaram tratar-se de uma acção engendrada entre os motoristas, um agente do SERNIC e dois polícias. Estes ainda a monte”, acrescentou.

A polícia conseguiu recuperar cerca de 2,3 milhões de meticais, um minibus e uma motorizada adquiridos com o dinheiro roubado.- AIM

 
 

Corpo de um homem foi encontrado nas primeiras horas desta terça-feira no quarterão 1-A, no bairro da Matola C, na província de Maputo.

Segundo testemunhas, o indivíduo, do sexo masculino, cuja idade não foi identificada, é desconhecido no quarteirão e terá sido visto na zona, na noite desta segunda-feira.

Moradores dizem que o homem apresentava sinais de embriaguez, tendo na ocasião, se deitado nas bermas de uma rua, onde se presume que teria, de seguida, perdido a vida.

Ainda são desconhecidas as reais causas da sua morte, sendo que mais informações poderão ser colhidas após os trabalhos de perícia da Polícia da República de Moçambique (PRM), a nível da província de Maputo.

 

Baixe nosso aplicativo:

 
 

Nosso contato

Maputo-Matola
Matola, Maputo 1114
Moçambique
Mobile: +258849431453
www.radiovivaaorei.com

Nossa missão

  • Levar a Palavra de Deus ao seu coração